Clínica de Psicología em Lisboa

ITAD » Blog » Agressão Infantil

Agressão Infantil

Postado por Liliana, em 23 Novembro 2013 na Patologias

Uma das principais queixas de pais e professores sobre o comportamento das crianças é a agressão infantil. Todas as crianças e adultos, em algum momento da sua vida, já sentiram vontade de ser agressivos. A questão é como canalizar essa emoção.

O que é a Agressão Infantil?

Agressão Infantil

A agressividade é preocupante para todas as pessoas que estejam incluídas na vida da criança, pois o seu bem estar e integridade estão postas em questão, quanto mais indefesa se sentir uma pessoa, mais ameaçada se irá sentir também.

A falta de regras da criança agressiva, está diretamente associada às pessoas de referência (pais, professores…) que não conseguem impôr regras. Mais facilmente entram em “guerra ou numa atitude submissa”.

O que é a agressão das crianças?

A Agressividade infantil é um estado emocional associado a sentimentos de raiva, ódio e desejo de prejudicar (físico e mental) para outras pessoas, animais ou objetos.

Classificamos quatro tipos de agressões na infância:

Física: Empurrões, arranhões, pontapés, murros, etc.

Verbal: Insultos, palavrões, provocações.

Psicológica: Destinada a baixar a auto-estima da vítima (difamar nas redes sociais como o facebook).

Social: Intenção de isolar um indivíduo em particular dentro do grupo.

Agressões simples, sem prejuízos para os outros (birras, palavrões, partir brinquedos, etc), fazem parte do desenvolvimento normal e saudável de uma criança, na medida em que esta aprende a lidar com a agressividade e a interação social. Se sentimos frustração por não conseguirmos o que desejamos, é normal termos sentimentos agressivos e exteriorizarmo-los. O problema surge quando a agressão se torna constante e violenta, sem controle. A pessoa torna-se impulsiva.

O que causa a Agressão Infantil?

Estão classificadas algumas razões para potenciar ou favorecer uma criança a ser agressiva, contudo, na nossa clínica de tratamento psicológico ITAD, são duas as que encontramos com mais frequência: a falta de assertividade dos pais e a falta de regras.

Normalmente, o comportamento agressivo das crianças costuma responder à existência de privação emocional e baixa auto-estima. Portanto, no tratamento de agressão na infância é essencial para determinar a sua origem, conhecer as deficiências apresentadas pela criança, o seu comportamento e relação com os elementos familiares, amigos, colegas, professores, etc .

A terapia visa controlar a agressividade. Concentra-se em elementos de trabalho que estejam a cristalizar a agressividade. A melhor terapia nestes casos é a terapia famíliar sistémica para se dispor de toda a ajuda para quem a necessite, criando um clima de suporte benéfico à mudança.

Palavras relacionadas:

Comentários

Não há comentários para "Agressão Infantil"

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *