Clínica de Psicología em Lisboa

ITAD » Blog » Curso Teórico – Prático DISLEXIA: Um Diálogo entre as Neurociências e a Educação Método Fonomímico Paula Teles®

Curso Teórico – Prático DISLEXIA: Um Diálogo entre as Neurociências e a Educação Método Fonomímico Paula Teles®

Postado por sergio, em 1 Agosto 2017 na Formações

Data: 18 de novembro  de 2017

Horário: 9h-18h
Local: ITAD
Preços: Publico Geral: 70 euros

Profissionais de Escolas com protocolo com o ITAD: 15% de desconto

Destinatários: Psicólogos; Terapeutas da Fala; Professores; Ensino Especial; Educadores de Infância.

Curso Teórico – Prático

DISLEXIA: Um Diálogo entre as Neurociências e a Educação – Método Fonomímico Paula Teles®

Objetivos:

  • Apresentar os resultados dos recentes estudos sobre a “Ciência da Leitura”, ciência que se desenvolveu com os contributos da psicologia cognitiva e das neurociências e das suas implicações nas práticas educativas;

  • Aprofundar conhecimentos sobre o Método Fonomímico Paula Teles®, um método fónico-silábico, de ensino da leitura e da escrita, baseado nos resultados da investigação científica, no estudo e longa prática da autora, professora e psicóloga educacional, na reeducação da crianças e jovens com perturbações da leitura e da escrita;

  • Capacitar para a implementação do Método Fonomímico Paula Teles®, em situações de reeducação de crianças e jovens com dislexia, disortografia e disgrafia.

Programa:

  • Perspetiva histórica
  • Dislexia – O que significa?
  • Dislexia – Dificuldade Invisível
  • A Neurociência da Educação: Neurologia, Psicologia e Pedagogia
  • Dislexia – Teoria do Défice Fonológico
  • Diferenças Funcionais entre Bons e Maus leitores
  • Relação entre Consciência Fonológica e Leitura
  • Diferenças no Funcionamento Cognitivo das Pessoas com Dislexia
  • DSM-5 – Critérios de Inclusão
  • Epidemiologia nos Diferentes Países
  • Comorbilidades
  • Mitos e conhecimento científico
  • Sinais de Alerta
  • Quais as Dificuldades das Pessoas com Dislexia?
  • Como minorar estas dificuldades?
  • Quais os Princípios Orientadores que devem seguir os métodos de ensino da leitura?
  • Quais as habilidades a ensinar?
  • Como avaliar? Como reeducar?
  • Avaliação Psicoeducacional, materiais de avaliação.
  • Apresentação dos livros específicos para desenvolver cada uma das competências implicadas na aprendizagem da leitura e escrita.
  • Estudo de Caso com apresentação de vídeos de aplicação do método.
  • Método Fonomímico Paula Teles®.
  • Sessão de reeducação com a participação ativa de todos os participantes.
  • Perguntas e respostas

Pretende-se com a formação:

   As crianças que ao longo da escolaridade não adquirirem um nível eficiente desta competência irão ser penalizadas logo desde a entrada na escola, continuando ao longo da sua vida pessoal e profissional.

Quando as crianças iniciam a escolaridade as expectativas de todos os intervenientes envolvidos no processo de aprendizagem são enormes.

A grande maioria das crianças realiza esta aprendizagem sem esforço e com prazer, porém, cerca de 5 a 10 por cento, manifestam dificuldades inesperadas e persistentes que geram sentimentos de surpresa, incompreensão e sofrimento.

Até há poucos anos a origem desta dificuldade era desconhecida, era uma incapacidade invisível, um “mistério” que gerou mitos, preconceitos e estigmas que acompanharam e ainda acompanham, muitas crianças, jovens e adultos.

A tomada de consciência desta dificuldade, inesperada e incompreensível, incentivou a realização de inúmeras investigações com o objetivo de encontrar uma explicação cognitiva e neurocientífica para os processos mentais envolvidos na aprendizagem da leitura e da escrita.

Desses estudos emergiu a “Neurociência da Leitura”, que se desenvolveu apoiada nos conhecimentos da neurologia, psicologia e pedagogia.

Os resultados desses estudos têm-se revelado extremamente úteis permitindo responder a diversas questões:

            Quais as diferenças entre linguagem falada e linguagem escrita?

           Quais as “habilidades” – conjunto de processos e representações mentais – que necessitam ser ensinadas explicitamente?

           Quais as dificuldades experimentadas por algumas crianças?

           Quais os princípios orientadores dos métodos de ensino que provaram ser mais eficientes?

Desta forma, este curso pretende responder às necessidades de formação de psicólogos, professores, terapeutas da fala e de todos os que se cruzam com crianças que apresentam dificuldades na aprendizagem da leitura e escrita.

Formadora:

Mestre Paula Teles

Licenciada em Psicologia Educacional, Mestre em Psicologia Educacional, Especialista em Psicologia da Educação com Especialidade Avançada em Necessidades Educativas Especiais pela Ordem dos Psicólogos Portugueses. Coordena a equipa de psicólogos da Clínica de Dislexia Dra. Paula Teles, é membro da International Dyslexia Association e Consultora, para a área de Dislexia, do Centro de Centro de Desenvolvimento Diferenças. É autora do Método Fonomímico Paula Teles®, um método fónico-silábico e multissensorial de desenvolvimento das competências fonológicas, de ensino e reeducação da leitura e da escrita. Os seus interesses de estudo, e investigação, são o desenvolvimento das competências fonológicas e o desenvolvimento de métodos de ensino facilitadores do sucesso na aprendizagem da leitura e da escrita.

Inscrições:
formacao.itad@gmail.com – nome, número de identificação e comprovativo de pagamento
NIB: 0035 0100 0003 2042 8304 6
Banco: Caixa Geral de Depósitos

Estamos disponíveis para prestar qualquer esclarecimento através de:

  • Telefone: 211 371 412
  • Telemóvel: 961 429 911
  • Email: formacao.itad@gmail.com


Inscrever-me

Palavras relacionadas:

Comentários

Não há comentários para "Curso Teórico – Prático DISLEXIA: Um Diálogo entre as Neurociências e a Educação Método Fonomímico Paula Teles®"

Os comentários estão fechados