Clínica de Psicología em Lisboa

ITAD » Insucesso Escolar

Insucesso Escolar

Abordaremos um tema muito preocupante e incidente nas nossas clínicas ITAD, que é o insucesso escolar, segundo a nossa perspectiva psicológica no aluno.

O que é o insucesso escolar?

insucesso escolar itad

A definição de insucesso escolar gera controvérsia, devido à dificuldade encontrada de torná-lo numa definição tão explícita quanto possível.
Ainda assim, podemos definir o fracasso escolar como uma criança com resultados abaixo do nível mínimo de educação esperada para sua idade.
Esta definição de abandono ou insucesso escolar serve para os estudantes que não superaram o ensino secundário obrigatório, como também para aqueles que não alcançaram a realização do ensino universitário. Ficaram ambos os casos pelo caminho.

Malta, Portugal e Espanha são os três países que apresentam maior taxa de abandono escolar precoce. Malta tem a maior taxa de abandono escolar (36,9%), seguida de Portugal (28,7%) e Espanha (28,4%).

A realidade é que temos de melhorar o insucesso escolar (http://www.itad.pt/problemas-escolares/melhorar-insucesso-escolar) já que as taxas de abandono são verdadeiramente preocupantes.

Há várias razões descritas como causadoras do insucesso escolar, contudo, não se pode “culpar” uma só entidade, nem todas, mas sim analisar a situação no sistema relacional em que o aluno está inserido.

Uma das principais problemáticas que encontramos na nossa clínica de tratamento de problemas escolares é o insucesso escolar.
Este tema tem que ser analisado segundo dois factores diferentes da criança e que se relacionam entre si, que são os aspectos afectivos e as capacidades cognitivas.

insucesso-escolar

Se as capacidades cognitivas não estiverem estimuladas, serão fracos os recursos que a criança tem ao seu dispor para adquirir os conhecimentos. Serão necessárias capacidades como a concentração, planeamento, pensamento abstrato, raciocínio, cálculo mental, abstração, flexibilidade de pensamento, focagem, inibição, etc. Sem estas capacidades será difícil conseguir acompanhar o resto da turma, pois a matéria não será tão facilmente adquirida, sendo esta a principal razão encontrada para o  insucesso escolar em Portugal.

Um exemplo é uma criança não conseguir estar quieta numa cadeira de aula. É só por si, uma razão muito frequente para o insucesso escolar. O facto de não conseguir estar quieta e não ouvir a matéria, nem as instruções e explicações que o professor diz, não sabe a matéria que estão a estudar, nem apontamentos, nem tpc, e com isto perde-se um ano escolar muito facilmente. Até pode ser muito inteligente, mas não mantém estimuladas todas as capacidades cognitivas (umas mais necessárias que outras), e as suas capacidades escolares ficam muito comprometidas.

Se o aluno não tiver um equilíbrio afetivo e emocional será muito provável que não esteja com capacidade para “nada”, muito menos para estar numa sala de aula. Uma criança triste, deprimida, ansiosa, com fracas capacidades para lidar como stress, com uma baixa auto-estima, com problemas de assertividade, etc, jamais conseguirá ser no futura uma pessoa feliz, inteligente e trabalhadora. Terá problemas psicológicos sérios na sua personalidade que lhe impedirão de ter a segurança necessária para triunfar na vida laboral e familiar, pois sentirá imensas dificuldades para lidar e superar os problemas da vida. Esta é a segunda grande razão encontrada para o insucesso escolar em Portugal.

Se alguma destas duas componentes indispensáveis num aluno, (afectivas ou cognitivas), estiver em sofrimento, será imprescindível começar uma intervenção séria e rigorosa para que se realize uma avaliação para encontrar as origens da problemática.

Seja o principal problema derivado das capacidades cognitivas ou a instabilidade emocional, uma pode estar a afetar a outra, desaproveitando as capacidades ao mínimo.

No Instituto de Apoio de Desenvolvimento – ITAD, consegue-se potenciar as capacidades do aluno e encontrar o equilíbrio emocional desejado, através de terapias com os nossos psicólogos da nossa clínica de psicólogos de Lisboa. Assim e deste modo, consegue-se evitar o insucesso e abando escolar.